domingo, 6 de setembro de 2009

Rita Vaz Origami



Nome: Rita Vaz
Cidade: Porto
Blog: rvorigami.blogspot.com




Como descreverias o teu trabalho?

Uma junção entre o design e o origami de forma a criar artigos de decoração, de bijutaria, embalagens, onde as dobras perfeitas são um vício.



Como é que tudo começou?

Há alguns anos que faço origami como brincadeira, mas um dia uma amiga desafiou-me a pensar no origami um pouco mais a sério e foi aí que descobri como esta arte é fascinante e como origina um universo ilimitado de possibilidades.

Como escolheste o nome do teu projecto?

Foi a associação mais rápida entre o meu nome e esta fantástica arte que se chama Origami.



Porquê fazer crafts? O que é que te motiva?

Desde pequena que gosto muito de manualidades e em especial por tudo o que se possa fazer com papel. Ver um sorriso no rosto de quem recebe uma das minhas peças, é a minha maior motivação.

Os crafts são um trabalho a tempo inteiro? O que ocupa os teus dias?

Não. Divido o meu tempo entre o design de comunicação (a minha formação base) e o origami, mas, desde que descobri as potencialidades desta arte fabulosa, cada vez tenho menos tempo para a minha principal ocupação. No entanto, a minha formação em design reflecte-se sempre nos meus crafts.



De onde vem a inspiração para os teus trabalhos?

Vou buscar inspiração a tudo o que me rodeia. Como designer estou sempre atenta aos mais pequenos pormenores, que depois acabam por influenciar o meu trabalho.

Onde é que encontras os materiais para os teus projectos?

Grande parte dos papéis que utilizo são desenhados por mim. É difícil encontrar no mercado papéis com a gramagem e com os padrões que satisfaçam todas as minhas necessidades, por isso decidi começar a desenhar os padrões à medida das peças que vou criando.



De todo o processo de produção das tuas peças qual é a parte que mais te agrada?

Quando me surge uma ideia nova e aqueles primeiros passos de experimentação até conseguir concretizá-la.

Como é que divulgas o teu trabalho?

Tenho as peças à venda em algumas lojas, através do blog, das feiras de artesanato urbano e das pessoas que gostam do meu trabalho e me ajudam a divulgá-lo.



A internet tem um papel importante na divulgação do teu projecto?

Sim, sem dúvida. Abre portas para mercados e pessoas aos quais nunca teríamos acesso de outra forma.

O que achas da actual moda do artesanato urbano?

É uma moda interessante, mas perigosa! As pessoas ficam fascinadas com tanta coisa que se pode fazer e com a quantidade de ferramentas que nos facilitam o trabalho, que quando damos conta, está meio mundo a fazer as mesmas coisas.



Que conselho darias a quem ainda anda à procura do seu próprio estilo nos trabalhos manuais?

Acho que o mais importante é ser-se original e dar largas à imaginação, sem ter medo de experimentar.

Podes partilhar alguns dos teus crafters favoritos?

Não tenho favoritos. Gosto de imensos trabalhos dos mais variados crafters.



Quais são os teus sonhos para o futuro?

Ter mais tempo para conseguir concretizar todos os meus projectos.

4 comentários:

anapina disse...

Sou fã :) Já vi as peças ao vivo e a beleza dos papéis, a originalidade dos designs e a qualidade dos pormenores é impressionante... parabéns!

miosotiis disse...

A mandala com o tsuru está linda! ;)*

aiaimatilde disse...

que lindas as peças da Rita! parabéns!

Elsa Fernandes disse...

Obrigado a todas pela visita :)